Drones

Venda

Consultoria

Treinamento e Manutenção

Aspectos Funcionais dos Marcos Regulatórios dos Drones

Talvez você pense que as leis são só para te aborrecer, mas a verdade é que à partir do momento que o DRONE passou a ser considerado uma aeronave, subimos um degrau e isso traz muitas responsabilidades novas, temos um dos melhores departamentos de controle de espaço aéreo do mundo e seria até injusto por em xeque essa posição(causando incidentes e acidentes) por não entendermos o drone como um novo componente de um sistema que já tem regras bem estabelecidas que devem ser seguidas para que a segurança conquistada nos ares seja mantida. Cada item de uma circular aeronáutica tem um bom motivo, as poucas pessoas que estão realizando voos legais geralmente o fazem por medo de fiscalização ou para estarem certinhas perante a lei, quando na verdade a motivação principal deveria ser o bem estar comum(segurança/privacidade).

O entendimento das limitações dos RPAs comerciais e os riscos que os mesmos apresentam, principalmente quando existe pilotagem errática ou desconhecimento sobre componentes do sistema e a consequência direta disso para o próximo (aeronave tripulada/pessoas em solo) deve nortear seus estudos de legislação e não o medo de uma autoridade aparecer, pois de fato, isso é bem difícil de ocorrer, a não ser que você seja alvo de denúncia ou esteja fazendo alguma coisa MUITO errada.


 

Aprendizado

O piloto de drone ou piloto de RPA é hoje, mais do que nunca, uma profissão séria e que exige um estudo inicial bem amplo, passando por conhecimentos aeronáuticos específicos como meteorologia aeronáutica adaptada, teoria de voo (fixa e rotativa), tomada de decisão aeronáutica, entre outros e conhecimentos específicos sobre componentes, tecnologias empregadas, automatismo de cada sistema, leis e muito mais. Com uma carga grande de informações e o dinamismo da profissão, a atualização constante também é necessária, passou-se o tempo em que era necessário apenas comprar um equipamento, ver meia dúzia de vídeos no Youtube e sair se aventurando pela cidade, com as novas regras e o aumento de pilotos, surgiram também novas responsabilidades e cada vez mais o conhecimento exigido vai chegando perto ao conhecimento de um piloto de aeronave tripulada.

Tomada de Decisão

Você está preparado para tomar rapidamente uma decisão que mitigue os riscos no momento que algo não sair como esperado? Todos os acidentes e incidentes aeronáuticos são resultantes de uma sucessão de erros, é dever do piloto tomar o conhecimento do máximo possível de situações e variáveis que podem ocasionar um acidente e mitigar esse risco de maneira sistemática e ordenada. Antes de cada operação você deve analisar os riscos envolvidos, em alguns casos o órgão de controle do espaço aéreo vai te notificar com as condicionantes para o voo, mas é impossível eles saberem todos os riscos da sua operação específica, por isso, é seu dever analisar.